Imoral: goleiro Bruno aparece fazendo publicidade para um canil

Bruno é apontado como mandante do assassinato de Eliza Samúdio, mãe do seu filho. No dia 06 de março de 2013 o goleiro prestou depoimento no Fórum de Contagem, em Minas Gerais, e chorando confessou que Eliza teria sido morta, esquartejada e seus restos mortais teriam sido jogados para os cachorros; o responsável pelo feito, segundo Bruno, era o primo Jorge Luiz Rosa, que era menor de idade quando participou do crime.

Luiz Henrique Romão, conhecido como Macarrão, teria sido o responsável pela ordem de assassinato e Marcos Aparecido dos Santos, conhecido como Bola, teria sido o executor do crime.

Bruno Fernandes foi condenado à 20 anos e 9 meses pela morte de Eliza e também pelo sequestro e cárcere privado do filho que tiveram juntos; ele também foi condenado por ocultação de cadáver, mas foi prescrita.

Eliza estava no sítio de Bruno em Esmeraldas, interior de Minas Gerais, antes de desaparecer. Segundo depoimento do primo do goleiro, Eliza levou uma coronhada e enquanto estava desacordada foi levada para o sítio, lá ela foi esquartejada e morta a mando de Bruno, após o seu corpo ser esquartejado e jogado aos cachorros rottweiler, seus ossos foram concretados.

Cumprindo prisão domiciliar, Bruno recebeu autorização para se mudar para Arraial do Cabo, no Rio de Janeiro. O juiz Tarcísio Moreira de Souza determinou que ele comprovasse trabalho e o goleiro acusado de assassinato resolveu virar garoto propaganda de um canil.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: