Covid-19: as sequelas de quem venceu o vírus

Nossa equipe coletou relatos de pacientes curados do coronavírus.

Já são sete meses de pandemia, 4.667.384 de pessoas contaminadas no Brasil e 32.356.829 no mundo. Nosso país já soma 140.040 óbitos pela doença, no mundo inteiro morreram 984.590, quase um milhão de pessoas mortas e famílias destruídas.

Segundo a OMS os sintomas são: febre, tosse seca, cansaço, dores no corpo, desconforto, dor de garganta, diarreia, conjuntivite, dor de cabeça, perda de paladar e/ou olfato, erupções cutâneas na pele, descoloração dos dedos das mãos ou dos pés. E eles variam de pessoa para pessoa, assim como a gravidade em que manifestam.

Os casos começam a cair e, segundo autoridades da saúde, entramos na fase perigosa. O vírus ainda está circulando e o relaxamento pode fazer com que os casos voltem a subir repentinamente.

Ainda é necessário o uso de máscaras, o isolamento social, a higienização das mãos, evitar aglomerações. A fase amarela não significa que o vírus acabou, significa que já tem vaga nos leitos de UTI hospitalares para receber novos pacientes.

Apesar de diversos testes que estão sendo realizado, ainda não há nenhuma vacina com eficácia comprovada contra o coronavírus.

Nenhum remédio garante 100% de cura e os que estão sendo usados para tratamento não reduzem as sequelas.

Coletamos diversos relatos de pacientes curados do covid-19 para entender quais são as sequelas que restam após o diagnóstico de cura, as sequelas mais frequentes são: redução da capacidade cognitiva, perda de memória, perda total de olfato e paladar, visão significativamente prejudicada, queda de cabelo, fraqueza muscular, doenças cardiorrespiratórias.

Leia alguns relatos:

Viviane diz: “Faz quatro meses que perdi o olfato e o paladar, é horrível não sentir nenhum gosto e nenhum cheiro.”

Já Cleiton sente “um cheiro estranho, parece de carne podre” o tempo inteiro.

Patrícia teve redução da capacidade de memória.

Rute desenvolveu bronquite, segundo ela não tinha tido durante toda a vida.

A cantora Joelma teve problemas no intestino, visão, pulmão e na mente.

Tatiana comentou: “Esse era todo o meu cabelo. Resultado de uma queda severa de cabelos no período de 45 dias, confirmado pelo médico que se trata de alopecia pós covid.”


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: