Justiça devolve garoto ao pai que foi acusado de abuso sexual

Uma criança de oito anos foi tirado a força da casa da mãe e a custódia foi devolvida ao seu agressor.

O caso aconteceu na Argentina. Laura Sabrina Citraro, titular da Vara de Família em San Isidro determinou que o pai tinha direito a guarda do garoto, que estava com a mãe.

No vídeo, com conteúdo sensível, o menino chora aterrorizado, segundo o avô materno ele teme o pai. O criminoso ainda é acusado de executar o ex-companheiro e de não fornecer alimentação e assistência aos dois filhos.

Anúncios

Em depoimento, parentes disseram a mídia que o juíza se recusou a ouvi-los, ignorando o estado emocional do garoto.

O avô declarou: “Pedi para abraçar meu neto, mas um cordão policial me impediu de dar um último abraço ou me despedir diante dos olhos de horror do meu neto.”

O pai estava atrás do cordão policial, pessoas foram amarradas por policiais, uma garota chegou a ser agredida.

O caso causou grande revolta na Argentina.

A mãe tenta recorrer da decisão.


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: