Mulher vem a óbito após médico tirar seu útero o confundindo com a placenta

Uma jovem de vinte e dois anos morreu por negligência médica durante o parto. A russa teve o útero retirado porque o médico confundiu com a placenta da parturiente.

Alisa Tepikina morreu no dia 25 de fevereiro em Nizhneserginskaya, na Rússia, ela entrou em coma e morreu de parada cardíaca.

O médico está sendo investigado e pode receber pena de três anos.

Anúncios

O pai da jovem relata que a filha gritou e sofreu de dor, mas foi ignorada pelo médico.

O atestado de óbito aponta que ela estava com o útero invertido, que deveria ter sido identificado durante o parto, o jovem médico (27 anos) puxou o cordão umbilical com muita força e desencadeou uma hemorragia na jovem, seguido de um choque irreversível que a levou a insuficiência cardíaca e posteriormente ao óbito.


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: