Idoso de 92 anos morre por negligência médica em Teresina

Sr. Francisco, avô de Érica Luane, que compartilhou o caso, estava internado a sete dias no Hospital da Primavera, em Teresina Piauí.

Segundo o relato, ele estava em estado grave, os pulmões já estavam comprometidos e ele precisava de urgência de uma UTI. Érica relata que o hospital coloca o senhor em último na fila, por diversas vezes, além de mal tratado pela equipe médica do hospital.

O oxigênio do paciente chegou a ser diminuído, pois, segundo a neta, o médico teria alegado que ele estava “gastando” oxigênio, o que causou visível hipóxia. Ele teria ficado numa sala de curativo, sem monitoramento e sem assistência adequada. A família chegou a comprar oxímetro, máscara CPAP, além de contratação de uma fisioterapeuta para auxiliar no desconforto respiratório do idoso.

Ele estava com covid, com pneumonia e, por regra ética, deveria ter prioridade.

Érica tentou transferência para outro hospital, sem sucesso. Segundo o relato ele lutou pela vida até o último instante.

Ele veio a óbito nessa manhã.


Nossa equipe tentou contato com o hospital, sem sucesso. O espaço está aberto para manifestações.

O e-mail disponibilizado no site não recebe correios eletrônicos:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: