Risco de coágulos é maior para infectados pela Covid-19 do que para vacinados, diz Oxford

Uma pesquisa da Universidade de Oxford concluiu que o risco de coagulação sanguínea, também conhecida como trombose venosa, é cerca de 10 vezes maior em pessoas que contraem a Covid-19 do que para quem se vacina.

O estudo concluiu que o quadro de coagulação sanguínea ocorre 39 vezes a cada 1 milhão de pessoas em que tiveram Covid-19. Já em quem recebeu a vacina da Pfizer ou da Moderna, essa chance cai para 4 em um 1 milhão. Com a vacina da Oxford-AstraZeneca, o número ficou em 5 para 1 milhão.

A vacina feita pela farmacêutica AstraZeneca em parceria com os cientistas de Oxford começou a enfrentar resistência na Europa e nos Estados Unidos após ser encontrada uma relação entre o imunizante e casos de coagulação sanguínea. Um quadro semelhante também começou a ocorrer com a vacina da Janssen (Johnson & Johnson).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: